Eletricidade Básica

 

      Com a Eletricidade não se brinca, Trabalhe com ATENÇÃO, Utilize EPI’s Corretamente

      E se possível contrate profissionais da área.

 

 

 

Energia

 

Resumindo, energia é a capacidade de gerar trabalho.

"Na Natureza, nada se cria, nada se perde, tudo se transforma". No caso, nenhum tipo de energia pode ser criada, e sim transformada. 

Existem varios tipos de energia, tais como:

  • Energia Núclear
  • Energia Térmica
  • Energia Elétrica
  • Energia Solar
  • Energia Cinética

Aproveitando o estudo em eletricidade, vamos ver como ésta é gerada:

Tudo começa na Usina Geradora, no Brasil, a maior parte da energia elétrica é gerada por usinas hidroelétricas.

Em uma Usina hidroelétrica, são feitas as conversões de energia cinética (a água que cai da represa, passando pelos tubos) em elétrica. A água passa pela turbina, girando uma hélice, fazendo com que o gerador entre em serviço, gerando energia elétrica.

Algumas usinas Hidroelétricas no brasil:

  • Usina Hidrelétrica de Itaipu (a maior do Brasil)

  • Usina Hidroelétrica de Belo Monte

Outras Usinas hidroelétricas visite o site Wikipédia: pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_usinas_hidrel%C3%A9tricas_do_Brasil

O que é eletricidade?

Todos os corpos são compostos por moléculas e estas, por suas vez, de átomos.

Átomo é a menor porção da matéria. Cada átomo tem um núcleo, onde estão localizados os protons e os neutrons. Em volta do núcleo giram os eletrons.

Átomo em equilibrio

Nêutrons: Carga elétrica neutra

Prótons: Carga elétrica positiva

Elétrons: Carga elétrica negativa

Neste caso, eletricidade nada mais é que o movimento dos eletrons pelos átomos em um condutor.

  • Tensão elétrica ou Diferença De Potencial (DDP)

Tensão elétrica ou DDP, é a força que impulsiona os elétrons.

Simbolo - U ou E

Unidade de medida - Volt [V]

Instrumento de medida - Voltimetro

Multiplos - 1kV = 1000V = 1x10A

 
  • Corrente elétrica

Corrente elétrica é o movimento ordenado dos elétrons em um condutor.

Simbolo - I

Undidade de medida - Ampére [A]

Instrumento de medida - Amperimetro

Multiplos 

Os multiplos mais utilizados são: Ampere, Miliampere, Nanoampere e Picoampere.

  • Resistencia elétrica

Resistencia eletrica é a oposição ao fluxo dos elétrons.

Simbolo - R

Unidade de medida - ohm [Ω]

Instreumentos de medida - Ohmímetro/Megômetro

Multiplos - 1kΩ = 1000Ω = 1x10Ω

  • Potencia elétrica

É a energia necessária para produzir trabalho (como: calor, luz, radiação, movimento, etc)

Simbolo: W

Unidade de medida: watt

Multiplos: 1kW = 1.000W = 1.000.000mW

A potencia elétrica de um consumidor, é o produto da tensão aplicada pela corrente que circula:

P = U x I

Outras fórmulas:

Corrente

I = P/U

Tensão:

U = P/I

  • Circuito elétrico

Nada mais é do que o caminho fechado por onde percorre a corrente elétrica.

Um circuito eétrico é constituido de:

Fonte, Consumidor e Condutores

  • Curto circuito

Este seria um circuito que esta "faltando um pedaço", ou seja, não é um circuito completo, no caso não há carga. Por isso o nome curto circuito.

O que determina a corrente do circuito, é a resistencia e a tensão. Quanto maior a resistencia menor a corrente; quanto maior a tensão para potencia constante, maior é a resistencia e menor é a corrente.

No caso do curto circuito, a resistencia total é apenas a dos condutores, ou seja, é praticamente 0 (zero).

  • 1° Lei de Ohm

"A razão entre a diferença de potencial (V) em um circuito e a corrente elétrica (I) que nele circula é por definição chamada de resistência elétrica".

R = V/I

I = V/I

V = I . R

 

Associação de Resistores

fonte: http://www.efeitojoule.com/2008/07/associacao-de-resistores.html

 

Em nosso dia-a-dia utilizamos vários aparelhos elétricos onde são empregados circuitos com dois ou mais resistores. Em muitos destes circuitos utiliza-se uma associação de resistores. A associação de resistores pode ocorrer basicamente de três maneiras diferentes: Associação em série, associação em paralelo e associação mista.

Em algumas aplicações vários resistores são ligados um em seguida do outro para obter o circuito desejado, como é o caso das Lampadas decorativas de natal, um bom exemplo de associação de resistores em série.



Para efeito de cálculos, em muitos casos será necessário descobrir como a série de resistores se comporta como um todo. Nestes casos utilizamos o conceito de resistor equivalente. Que é um resistor que tem as mesmas propriedades da associação, ou seja, uma Resistencia que seja a mesma do conjunto, esta resistência é chamada resistência equivalente.


Associação em série:


Na associação em série todos os resistores são percorridos pela mesma corrente elétrica. Os resistores são ligados um em seguida do outro, existindo apenas um caminho para a corrente elétrica. Observe a figura abaixo:

A ddp de uma associação de resistores em série é a soma das ddp's em cada um dos resistores associados.


O valor da resistência equivalente é dado pela soma das resistências dos resistores que constituem a série.

Associação em paralelo:

A associação de resistores em paralelo é um conjunto de resistores ligados de maneira a todos receberem a mesma diferença de potencial (ddp). Nesta associação existem dois ou mais caminhos para a corrente elétrica, e desta maneira, os resistores não são percorridos pela corrente elétrica total do circuito. Observe a figura.

A corrente, em uma associação de resistores em paralelo, é a soma das correntes nos resistores associados.

Na associação em paralelo, o valor da resistencia equivalente é sempre menor que o valor de qualquer resistência dos resistores da associação. Este valor pode ser obtido com as seguintes equações:

Associação mista:

Uma associação mista é composta quando associamos resistores em série e em paralelo no mesmo circuito. Observe na figura abaixo que os resistores R1 e R2 estão em série e os resistores R3 e R4 estão em paralelo:

Nas associações mistas também podemos encontrar um valor para a resistência equivalente. Para isto devemos considerar cada associação (série ou paralelo) separadamente, sendo que todas as propriedades descritas acima são válidas para estas associações.

 

PARA SE APROFUNDAR MAIS NO ASSUNTO DE ELETRICIDADE BÁSICA, BAIXE A APOSTILA DE ELETRONICA BÁSICA EM "APOSTILAS"

 

Instrumentos de medição de grandezas elétricas

Instrumentos que tem como objetivo identificar uma grandeza eletrica como tensão, corrente, resistencia, entre outros

Favor baixar apostila de instrumento de medição em "Apostilas" - Arquivo PDF

________________________

CAMPO

A eletricidade estática, que é gerada por atrito, ou armazenada em um capacitor, por exemplo, gera um campo chamado campo elétrico.

A movimentação dos eletrons em um condutor, gera um campo magnético.

A soma vetorial dos dois campos (elétrico e magnético) recebe o nome de campo eletromagnético.

Todo átomo possui campo magnético. Este por sua vez é gerado a partir da movimentação dos eletrons que estão em orbita do proprio átomo